sábado, 23 de janeiro de 2021

Raquel Lyra recebe visita da deputada Priscila Krause

A Prefeita Raquel Lyra recebeu em seu gabinete, nesta quinta-feira (21), a deputada estadual Priscila Krause. O encontro serviu para reforçar os vínculos entre o Executivo municipal e o Legislativo estadual. “A presença de Priscila em Caruaru vem sempre com boas notícias. A deputada é uma das principais vozes do município na Assembleia Legislativa de Pernambuco e temos certeza que nesses próximos quatro anos teremos muitas parcerias e investimentos para a Capital do Agreste e o nosso povo”, destacou Raquel.

Feirantes rebatem fala de secretário estadual sobre suposta influência das feiras para aumento no número de casos de Covid-19

Em entrevista à Rádio Jornal Caruaru, o secretário estadual de Justiça e de Direitos Humanos de Pernambuco, Pedro Eurico, creditou às feiras  realizadas, no último bimestre do ano passado, como um dos possíveis fatores responsáveis pelo aumento no quantitativo de casos de Covid-19 registrados, neste início de janeiro, na região Agreste.

“Nós estamos creditando isso [aumento dos casos], infelizmente, àquele período de fim de ano, aquelas feiras que aconteceram, que coincide também com o período de férias […]. Se houver necessidade, nós podemos fechar parques, podemos fechar praias. O que nós não vamos admitir e nem queremos é que a população pague pela vida de seus entes queridos”, destacou à Rádio Jornal, Pedro Eurico.

“O governo não deixará de tomar medidas restritivas se houver crescimento. Quero pedir a população que nos ajude também no Agreste. Não podemos ver esses números caminharem para uma superlotação das UTIs”, reforçou Eurico.

Repercussão

Em Caruaru, uma série de feiras é realizada de forma constante, tendo como a mais famosa a da Sulanca. As afirmações do secretário causaram apreensão nos sulanqueiros, que agora temem por uma nova interrupção das atividades do empreendimento.

“Se a Feira de Caruaru fechar de novo, vamos morrer de fome. Atualmente, não existe mais auxílio emergencial do Governo e não temos como sobreviver. Todos viram a situação difícil em que ficamos no ano passado, quando houve a paralisação da Sulanca. Para a sobrevivência da cidade, a feira não pode parar”, comentou o sulanqueiro Osmar Pedro.

Procurado pela reportagem, o presidente da Associação dos Sulanqueiros de Caruaru, Pedro Moura, questionou as afirmações de Pedro Eurico quanto a suposta influência negativa das feiras de Caruaru e dos demais municípios que compõem o Polo de Confecções do Agreste (Santa Cruz do Capibaribe e Toritama) para o aumento no número de casos de covid-19, na região.

“A realidade é que as feiras do Polo de Confecções não estão provocando o aumento em relação aos casos do novo coronavírus. Todos os protocolos estão sendo cumpridos. Por exemplo, na Feira de Caruaru, mais precisamente no setor da Fundac, bombeiros civis vêm realizando fiscalizações nas 12 entradas, verificando o uso de máscaras, álcool em gel  e aferindo as temperaturas de todos. Além disso, em toda feira da Fundac existem 12 lavatórios, que se encontram à disposição para que os comerciantes e compradores possam fazer a higienização”.

“Já no setor da Brasilit foram instaladas cancelas, onde os profissionais de Saúde de Caruaru só permitem a entrada das pessoas, com as utilizações de máscaras, álcool em gel e após a medição de temperatura. Além disso, todos os feirantes estão orientados a não atender os consumidores sem máscara. Portanto tanto os clientes como os feirante se encontram cumprindo o protocolo da covid-19. Também é importante frisar que esse aumento no número de casos se deve várias a outras situações que ocorreram, como por exemplo, as Eleições Municipais 2020, onde inúmeras aglomerações foram registradas. Ou seja, as feiras não podem se acusadas como responsáveis pelo crescimento de casos de coronavírus na região”, finalizou Pedro Moura.

PE: PF prende suspeitos de exploração e pornografia infantil; um é apontado como abusador de enteada

A Polícia Federal em Pernambuco deflagrou, na manhã desta quinta-feira (21), duas operações contra pornografia e exploração sexual infantil. As ações ocorreram em Feira Nova e Gravatá, no Agreste de Pernambuco, e nas praias de Muro Alto e Gaibu, em Ipojuca e no Cabo de Santo Agostinho, Litoral Sul do Estado.

Ao todo foram presos três suspeitos – um deles é apontado como abusador de uma enteada. A polícia não informou a idade da menina, mas confirmou que trata-se de uma menor de idade.

A primeira operação, chamada “Infância Resgatada”, visou combater a prática de atos libidinosos e produção de fotos e vídeos com conteúdo pornográfico envolvendo crianças e/ou adolescentes, assim como a troca e armazenamento material de pornografia infantil.

As investigações começaram no início de 2020 após informações repassados por uma ONG americana que centraliza o recebimento de denúncias sobre crimes relacionados a abuso sexual infantil. Foram registradas 32 ocorrências do tipo em diversos celulares do suspeito preso, segundo a PF.

Durante as investigações, conduzidas pelo Núcleo de Repressão aos Crimes de Ódio e Pornografia Infantil pela Internet (Nurcop), foi produzido um relatório contendo indícios de que a vítima do possível estuprador seria sua enteada, por causa do teor dos comentários publicados no Facebook e registro fotográfico, segundo a PF.

Foram cumpridos um mandado de prisão preventiva e dois de busca e apreensão em Muro Alto e Gaibu. As ordens judiciais foram expedidas pela 36ª Vara da Justiça Federal.

De acordo com a PF, os mandados foram cumpridos nos endereços residencial e profissional do suposto abusador. Foram apreendidos computadores, notebooks, celurares e outras mídias com “potencial de armazenamento de imagens e vídeos contendo pornografia infantil”.

Os crimes atribuídos ao suposto abusador são a prática da produção, compartilhamento e armazenamento de conteúdo pornográfico infantil (Art. 240, Art. 241-A e Art. 241-B do ECA), além do crime de estupro de vulnerável (Art. 217-A do CP).

Tais crimes acumulados resultam em penas que variam de quatro a 16 anos de reclusão

Help X
Na segunda operação, nomeada “Help X”, dois homens foram presos por suspeita de envolvimento com pornografia infantil nas cidades de Feira Nova e Gravatá.

De acordo com a Polícia Federal, as investigações começaram no início de 2020 através de informações repassadas pelo Centro Nacional de Coordenação de Exploração Infantil da Polícia do Canadá.

Essas informações eram de que haveria uma possível distribuição em aplicativos de mensagens de imagens de cenas de sexo explícito envolvendo crianças e adolescentes, com dados de usuários brasileiros responsáveis pela distribuição do material pornográfico na internet.

“Tais acessos e conexões visando a troca e compartilhamento do material pornográfico infantil teriam partido em tese dos municípios de Feira Nova e Gravatá”, explicou a Polícia Federal em comunicado.

Dois mandados de busca e apreensão foram emitidos pela Justiça Federal para os endereços residenciais dos suspeitos. Nos locais foram apreendidos computadores, notebooks, celulares e outras mídias com “potencial armazenamento de imagens e vídeos contendo pornografia infantil”, segundo a PF.

“Nas buscas de Feira Nova e Gravatá foi detectado material envolvendo pornografia infantil, através de perícia preliminar”, acrescentou a polícia.

Os dois foram presos em flagrante pelo crime contido no artigo 241-B da Lei 8.069/60 do Estado da Criança e do Adolescente de adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente.

A pena para esse crime é um a quatro anos de reclusão.

Folhape

Fabiana Pimentinha será Cidadã de Caruaru

A cantora Fabiana Pimentinha, em breve, será Cidadã de Caruaru. A propositura será apresentada pelo vereador Jorge Quintino. A data ainda vai ser definida, mas a notícia já gerou grande expectativa e muita gratidão por parte da artista, que se considera caruaruense de fato e espera, agora, ser de direito.

“É a realização de um sonho. Tenho Caruaru como minha casa, pois foi lá onde me tornei ainda mais conhecida. Desde criança que me apresento na Capital do Forró e sempre fui muito bem recebida. Só tenho o que agradecer ao povo caruaruense, por todo o carinho, e a Jorge Quintino, pelo reconhecimento”, disse Pimentinha ao Blog do Vanguarda.

Fabiana, além de cantora, é compositora e apresentadora de TV. Ela começou sua carreira aos sete anos de idade,
sempre cantado músicas nordestinas. Ganhou o título de Pimentinha do Nordeste ainda criança, nos programas de auditório de Pernambuco, pela sua desenvoltura, energia e a alegria de poder ser artista, uma realização do seu sonho.

Fabiana Pimentinha do Nordeste se apresentava sempre com um figurino de acordo com a música (Maria Bonita, Carmem Miranda, Clara Nunes, entre outros) e, desta forma, conquistava seu público mais e mais, lotando teatros, casas de shows, ginásios etc.

Menina prodígio, destacou-se nas passarelas e no mercado publicitário, sendo contratada para diversas campanhas. Ela também teve uma excelente passagem pelo Teatro de Amadores de Pernambuco, nas peças teatrais ‘Um Sábado em 30’, ‘Saltimbancos’, entre outras).

No período de Carnaval, Fabiana já era figurinha carimbada nas matinês dos clubes tradicionais do Recife. Uma criança cantando frevo e maracatu chamava a atenção dos foliões. Maestro Duda, que participava de um bloco de frevos, sempre a convidava para cantar. Isto se repetia com outras orquestras e, desta forma, aquela criança foi chamando a atenção dos produtores culturais de Pernambuco.

Fabiana também recebeu o convite dos irmãos Valença para cantar uma faixa no disco que estava sendo produzido. Seu desempenho foi excelente dentro do estúdio. Neste momento, estava surgindo uma estrela. Em seguida, foi convidada para gravar seu disco e as atenções estavam voltadas para aquela criança cantando frevo. Com tanto amor e dedicação, despertou muita curiosidade, até do saudoso
Capiba, em um festival de frevo, onde obteve o primeiro lugar, recebendo das mãos dele o troféu.

Seu primeiro trabalho profissionalmente superou todas as expectativas dos produtores. Logo após o seu lançamento, atingiu todos os primeiros lugares nas rádios, nas lojas de disco, chegando à marca de 250 mil cópias vendidas. O fato chamou a atenção da grande mídia nacional, sendo convidada a participar dos programas nacionais.

Surgia, assim, uma estrela nordestina. Uma criança que consegui respeito, admiração do público e dos artistas. O grande Rei do Baião, Luiz Gonzaga, já fazia menção a respeito dessa garota prodígio, que cantava tão bem o forró e o baião. Ele fez questão de conhecê-la. E, nesse primeiro contato, apelidou-a de menina xaxadeira. Na ocasião, Fabiana dançou xaxado para Luiz Gonzaga.

Outro grande incentivador de Pimentinha foi, sem dúvidas, o saudoso Dominguinhos, que produziu o LP e tocou pela gravadora RGE. A Rainha do Forró, Marinês, era a sua inspiração. Em um encontro em Caruaru, Marinês falou: “Que menina bonita! Ela canta com muita graça, com uma voz doce.”

Cassino do Chacrinha, Programa Raul Gil, Programa do Gugu, Show da Xuxa, entre outros, foram alguns dos programas que Fabiana participou. Em sua carreira, ela tem 24 gravações, entre LPs, CDs e dois DVDs.

Fabiana Pimentinha do Nordeste continua uma artista consagrada no Carnaval de Pernambuco. Sempre presente nos principais eventos, como o Bloco Galo da Madrugada, onde já realizou 23 desfiles arrastando multidões. Na folia de Momo, ela leva sua alegria e um repertório de tirar o fôlego, tanto nos trios elétricos como nos palcos.

Contatos:
contatofabianapimentinhadonordeste@hotmail.com
(81) 99616-1499
(81) 98748-4131
(82) 98807-9133

Eventos sociais e corporativos suspensos em Pernambuco a partir de segunda-feira (25)

Em entrevista coletiva remota na tarde desta quarta-feira (20), o secretário de Turismo de Pernambuco, Rodrigo Novaes, anunciou, ao lado do titular da Saúde, André Longo, a suspensão dos eventos sociais e dos eventos corporativos em todo o Estado, a partir do dia 25 de janeiro, por um prazo de 30 dias. Alguns eventos, a exemplo de casamentos e formaturas, ainda estavam autorizados, desde que respeitassem a capacidade máxima de 150 pessoas.

A decisão foi tomada pelo Comitê de Enfrentamento à Covid-19 em Pernambuco e teve como base o cenário de aumento de casos da doença, sobretudo nas formas mais graves. De acordo com André Longo, nas duas primeiras semanas deste ano, houve uma redução de 10% nos pedidos por vaga em enfermarias, na Central de Regulação de Leitos do Estado, porém foi notado um acréscimo de 5,3% nas solicitações de internação em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) para pacientes com a doença.

“Temos, hoje (quarta-feira), um mil pacientes internados em UTIs nas redes pública e privada do Estado, o que muito nos preocupa. Sabemos da alta taxa de mortalidade entre os pacientes graves. Atingimos a marca de 10 mil vidas perdidas para a Covid-19 no último final de semana e isso nos entristece”, comentou Longo.

Recentemente, o gestor disse que, em média, de três pacientes com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) associada à Covid-19 que precisam de internação em regime de terapia intensiva, apenas um sobrevive.

Até o momento, Pernambuco notificou 30.384 casos de SRAG a partir da infecção pelo novo coronavírus – número equivalente apenas aos pacientes que já receberam diagnóstico positivo, não contabilizando os internados ainda com suspeita da doença. Entre os casos de SRAG confirmados, 33,10% (10.059) não resistiram. Os curados somam 18.799 (61,87%).

Pólo de Confecções

O Pólo de Confecções do Agreste também na mira do Comitê de Enfrentamento à Covid-19, sob a perspectiva de que o não cumprimento dos protocolos sanitários possa estar contribuindo para o aumento de casos nessa região. Segundo Novaes, está sendo realizada, nesta semana, uma ação conjunta do Procon estadual e do Procon de Caruaru no intuito de fiscalizar esses espaços.

“Caso haja um descumprimento e, se for verificado que isso está colocando em risco a saúde das pessoas, o Governo do Estado não hesitará em tomar medidas restritivas”, alertou.

Folhape

TJPE atinge menor taxa de congestionamento processual dos últimos dez anos

Num ano marcado por mudanças para se adaptar aos desafios impostos pela pandemia do novo coronavírus, o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) encerrou 2020 com a menor taxa de congestionamento processual dos últimos dez anos, de acordo com o relatório Justiça em Números, divulgado anualmente pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O fator preponderante foi o número de processos baixados no 1º Grau no ano passado. O acervo nesse grau de Jurisdição passou de 1.979.954 processos em janeiro para 1.472.338 no mês de dezembro, o que resultou na marca de 62,85% de taxa de congestionamento do Judiciário estadual pernambucano.

A redução da taxa foi de cerca de 10% comparada ao ano de 2019, quando esse patamar era de 71,84%, e de 20% em relação a 2012, ano em que a taxa de congestionamento chegou a marca de 82,4%. Investimento em digitalização dos processos, números positivos alcançados pelo Programa de Governança Diferenciada das Execuções Fiscais, resultados expressivos conquistados nas unidades judiciárias no período de Autoinspeção do Tribunal foram decisivos para o avanço geral desse setor do Tribunal e a consequente diminuição da taxa.

O trabalho desenvolvido pela Governança Diferenciada foi responsável por 70,03% do total de processos baixados no 1º Grau. O relatório apresentado pelo Comitê Gestor do Programa aponta que o número dos processos de execuções fiscais caiu de 1.138.564 no mês de janeiro para 614.118 em dezembro de 2020. Durante o ano, foram arquivadas aproximadamente 602 mil ações, além de proferidas quase 31 mil sentenças e 158 mil decisões e despachos de executivos fiscais.

Os resultados no setor foram possíveis devido às ações coordenadas do Comitê Gestor da Estratégia Diferenciada para Execuções Fiscais junto às Procuradorias dos Municípios visando à celebração de acordos com a finalidade de arquivamento definitivo dos processos com baixa probabilidade de recuperação de crédito público.

Por sua vez, a Autoinspeção desenvolvida pelo TJPE conseguiu baixar 106.211 processos, sendo 62.742 eletrônicos e 43.469 físicos, no período de 20 de julho a 11 de dezembro de 2020, envolvendo o acervo de todas as unidades judiciárias de 1º Grau, Juizados Especiais e Turmas Recursais. A ação contribuiu para a redução de 12,16% do total de processos baixados no 1º Grau.

Durante a Autoinspeção, houve a identificação de todas as pendências existentes nos processos sentenciados e a promoção dos atos necessários; a priorização da prolação de despachos e decisões fundamentais para baixa efetiva do processo ou a sua remessa à instância superior; a análise, nas ações criminais, de hipóteses de prescrição; além do arquivamento definitivo dos processos físicos de conhecimento no Judwin que possuíam execução ou cumprimento de sentença tramitando no processo judicial eletrônico, bem como dos litígios resultantes de acordos pré-processuais nos Cesjusc’s para geração de guias de custas.

“Estamos muito orgulhosos deste resultado. Em um ano particularmente difícil, com todos os ajustes que precisamos fazer para manter o Judiciário funcionando em meio a uma pandemia, prestando um serviço essencial para a sociedade, esses números representam uma conquista, principalmente dos magistrados e servidores, que se empenharam tanto e superaram seus limites para atender a população. É preciso reconhecer também o trabalho de todos os envolvidos no Programa de Governança Diferenciada das Execuções Fiscais, que foram essenciais para o alcance desse avanço”, avalia o presidente do TJPE, desembargador Fernando Cerqueira.

O TJPE conta com o total de 551 magistrados e 8.018 servidores em seu quadro funcional. Desse número, 499 juízes e 5.478 servidores atuam no 1º Grau. Em 2020, foram praticados 1.879.476 atos nesse grau de jurisdição. Os números da produtividade incluem 335.701 sentenças proferidas, 294.133 decisões, e 1.249.642 despachos.

Produtividade geral – A produtividade expressiva foi também uma marca constante do 2º Grau do TJPE, que junto ao 1º Grau de jurisdição, em 2020, garantiu a Corte ficar entre o quarto e quinto lugar entre os tribunais de médio porte e oscilar entre nono e décimo no ranking geral entre os 27 tribunais do país, no período da pandemia iniciado em 18 de março.

Este mês, a Coordenadoria de Planejamento e Gestão Estratégica (Coplan) do TJPE divulgou os números gerais da produtividade alcançados de janeiro a dezembro de 2020. Ao todo, foram praticados 2.398.722 atos, nos 1º e 2º Graus, entre sentenças, decisões, despachos, julgamentos monocráticos e acórdãos.

Confira os números de janeiro a dezembro:

1º Grau

No 1º Grau da Justiça estadual, destacam-se os seguintes números: 335.701 sentenças, 294.133 decisões, e 1.249.642 despachos, totalizando 1.879.476 atos praticados.

2º Grau

No 2º Grau do TJPE, foram: 51.707 acórdãos, 34.611 decisões monocráticas, 67.722 despachos, e 16.272 julgamentos monocráticos, totalizando 170.312 atos praticados.

Juizados Especiais

Os Juizados Especiais de Pernambuco produziram 90.535 sentenças, 43.464 decisões, e 183.758 despachos, somando 317.757 atos praticados.

Turmas Recursais

As Turmas Recursais apresentaram 21.061 acórdãos, 2.544 decisões monocráticas, 6.791 despachos, e 781 julgamentos monocráticos, o que somou 31.177 atos praticados.

Associação Comercial de Pernambuco reafirma a representatividade feminina na instituição

O belo casarão da Associação Comercial de Pernambuco (ACP), localizado no privilegiado bairro do Recife, será palco de mais um projeto inovador. A instituição dará início, nesta quinta-feira (21), ao Conselho da Mulher da ACP, que tem como objetivo reafirmar a representatividade feminina empreendedora dentro e fora da associação. O evento inicial será apenas para convidados, seguindo todos os protocolos necessários.

De acordo com a presidente do Conselho da Mulher – ACP Mulher, Diva Cordeiro, o ponto de partida tem grande valor representativo. “A proposta da ACP mulher é fomentar a economia, através do empreendedorismo feminino. Neste primeiro encontro, teremos o objetivo de dar o pontapé inicial”, pontuou.

A cerimônia terá três momentos. O primeiro, será a abertura, com as oito comissões da ACP-Mulher. Em seguida, haverá uma homenagem a Marta Dubeux, que foi a primeira mulher a assumir a presidência da ACP. O evento será finalizado com uma homenagem às mulheres representantes do Governo de Pernambuco. A vice-governadora Luciana Santos, a deputada federal, Marília Arraes, a deputada estadual, Priscila Krause, a vereadora do Recife, Michele Collins e a vice-prefeita do Recife, Isabella de Roldão, são presenças confirmadas no evento. Depois da oficialização do projeto, a ACP-Mulher inicia 2021 com muitas novidades voltadas ao empreendedorismo feminino.

A Associação Comercial de Pernambuco é a mais antiga entidade associativa do setor empresarial de Pernambuco, tendo sido fundada em 1839. Desde seus primeiros anos de vida, a ACP tem como princípios atuar de forma associativa e com interação, e incentivar a mobilização e a participação articulada da classe empresarial pernambucana.

Colégio Exato Prime continua com matrículas abertas. Saiba qual a documentação necessária

O Colégio Exato Prime, em Caruaru, continua com as matrículas abertas para 2021. Com muitas novidades para este ano, a unidade promete dar uma avançada não só no seu sistema educacional, mas no de toda a cidade.

Entre as novidades ofertadas pelo Exato Prime, estão o programa bilíngue da Internacional School, considerado pelo Prêmio Top Educação como o melhor programa bilíngue do Brasil, e o sistema didático Pitágoras de Ensino, que oferece soluções educacionais completas e integradas.

“Nós utilizamos toda uma tecnologia para que se possa potencializar a trajetória do currículo pedagógico em toda sua totalidade”, disse a coordenadora pedagógica, Maysa Alcântara.

O colégio oferece ainda turno integral semanal, com banca de estudos, aulas de robótica, violão, teclado e conservatório de música, sala de terapia ocupacional, horta sustentável de alimentos orgânicos, salão de jogos, anfiteatro, psicomotrocidade, aulas de karatê, transporte escolar, monitoria psicossocial, natação e tênis de mesa. Destaque para as aulas profissionais de natação, em parceria com a Aquafit, onde vários talentos já foram formados.

“Desde a estrutura física (passando pelo cuidado com a alimentação e o acompanhamento pedagógico) à metodologia de ensino, tudo foi pensado com foco nas necessidades de cada faixa etária”, afirmou doutora Amélia Vidigal, ressaltando que o Exato Prime trabalha com um sistema sociointeracionista, dotado de uma visão construtivista que vislumbra o desenvolvimento do ser humano como um todo. “Buscamos sempre a formação de cidadãos globais, pautados na participação ativa dos alunos no processo de aprendizagem”, concluiu.

O Colégio Exato Prime fica localizado na Rua Pascoal Leme, no Bairro Maurício de Nassau, em Caruaru. Para quem deseja realizar matrícula, a unidade está aberta das 8h às 17h, sem intervalo para almoço.

Documentação necessária para a matrícula

* Cópia da Certidão de Nascimento;

* 3 fotos 3×4;

* Histórico Escolar ou declaração provisória de transferência;

* Exame de tipo sanguíneo;

* Cópia do CPF do aluno;

* Cópias do RG e CPF do responsável financeiro;

* Cópia de comprovante de residência com CEP;

* Cópia de carteira de convênio médico, se possuir;

* Atestado médico autorizando a prática de Educação Física;

* Declaração de quitação das mensalidades do colégio anterior.

Mais informações poderão ser obtidas através do número (81) 3721-7737, dentro do horário de funcionamento, ou pelas redes sociais
www.exato prime.com.br (portal) @exatoprime (Instagram) e exatoprime (Facebook)

A ciência venceu

Corações foram partidos, orações elevadas, medo e espanto passaram a ser companheiros cotidianos de pessoas que possuem empatia pela vida humana, e a morte veio sem velório, em massa e de repente. O velório virou um luxo insustentável, e todos se perguntavam silenciosamente quem será a próxima vítima. Esse cenário de caos e dor foi experimentado amargamente no ano de 2020, e se estende a 2021. A vacina e as nossas vidas normais se transformaram em imagens longínquas. Mas, na semana em que faltou oxigênio no pulmão do mundo, a notícia da liberação das vacinas, pela ANVISA, nos deixa em estado de esperança.

A criação da vacina, no século XVIII, representa um marco civilizatório e uma superação das lutas do Homo Sapiens contra doenças, que eram tratadas por meios de charlatanismos e outros, não considerados pela ciência, como orações, sacrifícios, sangrias, ventosas, metais tóxicos, esmagamento de uma galinha contra uma parte do corpo infeccionada, além de outros tratamentos.

As vacinas sempre foram e serão os mecanismos mais eficazes e seguros, para salvar e prolongar a vida. Desse modo, a população e a sociedade devem ter um sentimento de GRATIDÃO aos que dedicaram tempo e inteligência na busca de um imunizante contra a COVID-19.

Em 12 de abril de 1955, um grupo de cientistas anunciou que a vacina contra a pólio, do médico, virologista e epidemiologista norte-americano Jonas Salk, era segura e poderia ser aplicada, segundo relato histórico no livro – O Novo Iluminismo. Em defesa da razão, da ciência e do humanismo, do autor Steven Pinker, “as pessoas observaram momentos de silêncio, tocaram sinos, buzinaram, acionaram sirenes de fábrica, dispararam salvas de tiros […] tiraram o resto do dia de folga, fecharam as escolas ou convocaram fervilhantes reuniões nos prédios escolares, fizeram brindes, abraçaram as crianças, foram à igreja, sorriram para estranhos e perdoaram inimigos”.

No Brasil de hoje, as vacinas Coronavac e a da Universidade de Oxford, que foram aprovadas por humanidade pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), por uma equipe de técnicos com alto valor científico, não foram recebidas por alguns com o ânimo efusivo da vacina contra a pólio.

Em um país dominado pela guerra ideológica e por teorias da conspiração, ganha mais relevância a ideologia do que a ciência. Para alguns, não importa se a vacina foi aprovada por um órgão respeitado do governo, mas a narrativa ideológica. O Brasil entra de vez em um estilo de política paranoico, fazendo referência ao livro clássico do historiador americano Richard Hofstadter (O estilo paranoico na política americana de 1964).

As autoridades sanitárias têm, hoje, dois desafios hercúleos, o de vacinar com eficiência o maior número de pessoas e o de convencer o maior número de pessoas de que a vacina é a melhor alternativa na luta contra a COVID-19.

Cabe a cada um de nós, ao nosso redor, promover a vacinação das pessoas contra teorias conspiratórias, raciocínio anedótico, demagogia emocional, ideologias negacionistas e dizer bem alto que a ignorância mata, e que a ciência venceu.

Coluna Esplanada

BRASÍLIA, QUINTA-FEIRA, 21 DE JANEIRO DE 2021

Apelo a Xi Jinping

Deputados e senadores recorrem até ao presidente Xi Jinping com pedido de ajuda para a liberação das exportações dos insumos para fabricação das vacinas Coronavac e Oxford/Astrazeneca no Brasil. Em virtude da interrupção no fornecimento pela empresa Sinovac ao Instituto Butantan e à Fundação Oswaldo Cruz, o estoque de vacinas está comprometido para os próximos dias. O Brasil fica numa situação constrangedora frente à China após episódios que estremeceram a relação entre os dois países. Em um deles, no ano passado, o deputado Eduardo Bolsonaro sugeriu que a China seria a culpada pela pandemia do coronavírus.

Intervenção

Em carta na qual pede “intervenção” do presidente chinês, o presidente da Frente Parlamentar Brasil-China, deputado Fausto Pinato (PP-SP), reforça que a liberação dos insumos é imprescindível para que o Brasil não desacelere o programa de vacinação. Para o deputado, falta habilidade ao chanceler Ernesto Araújo nas relações com a China.

Compreensão

Presidente do Grupo Parlamentar Brasil-China, o senador Roberto Rocha (PSDB-MA) também enviou oficio ao embaixador da China, Yang Wanming, no qual pede “compreensão humanística”.

Razões

O governo brasileiro ainda não procurou a embaixada chinesa e não houve nenhum tipo de diálogo para tratar do assunto, conforme informou o embaixador Yang Wanming ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). O atraso na liberação de insumos chineses, segundo Wanming, se deve a razões técnicas e não políticas.

Além-fronteiras

As manifestações nas redes sociais em português e em inglês do governador de São Paulo, João Doria (PSDB-SP), são vistas como uma estratégia do tucano para entrar no radar de empresários e políticos de todo o mundo e se cacifar como presidenciável além-fronteiras.

Shut up, Bolsonaro

Em dois tweets recentes, Doria cumprimentou – em inglês – o presidente Joe Biden pela posse e mandou Bolsonaro calar a boca (shut up) após o presidente ter dito que quem decide se um povo vai viver na democracia ou na ditadura são as Forças Armadas.

Cloroquina

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), poderá proibir o governo federal de veicular qualquer informação que propague, induza ou incentive o uso de medicamentos sem comprovação científica como forma de tratamento precoce contra o Covid-19, como cloroquina, nitazoxanida, hidroxicloroquina e ivermectina.

Ação

Na ação protocolada no STF, o Psol sublinha que “não há medicamentos com efeitos comprovados contra o Covid-19”. Registramos aqui que, apesar de o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, ter dito que nunca indicou remédio para o tratamento da doença, a pasta lançou Nota e um aplicativo com recomendações de uso dos medicamentos.

Contrapartida

Ao declarar apoio – por unanimidade – ao candidato do Palácio do Planalto, Arthur Lira (PP-AL), o PTB, partido presidido pelo ex-deputado Roberto Jefferson, mira a recriação do Ministério do Trabalho na provável reforma que será feita na Esplanada após as eleições na Câmara e no Senado.

Escândalos

Extinta por Bolsonaro, a pasta foi chefiada pelo PTB durante o governo de Michel Temer. A gestão petebista foi marcada por acusações de envolvimento em práticas criminosas por parte de servidores do alto escalão. Jefferson chegou a indicar a filha, Cristiane Brasil (PTB-RJ), para assumir o comando do ministério. A posse, no entanto, foi barrada pela Justiça.

BB

O deputado André Figueiredo (PDT-CE) vê na reestruturação do Banco do Brasil tentativa do governo de pavimentar o caminho para a transferência de seu controle à iniciativa privada. O parlamentar aguarda resposta de requerimento que enviou ao ministro Paulo Guedes (Economia) no qual pede descrição das unidades a serem extintas, com especificação do município e unidade da federação a que pertencem.

Ranking

Conforme ranking do Banco Central, as instituições financeiras que mais tiveram reclamações no quarto trimestre de 2020 foram: Banco Inter, conglomerado (banco e subsidiárias) do Banco Itaú e o conglomerado da Caixa Econômica Federal. As principais queixas são relacionadas a problemas na oferta ou na prestação de informação sobre crédito consignado, operações de crédito e cartões de crédito.

ESPLANADEIRA

# Setter cria nova unidade de negócios, “Setter Tech”, voltada ao atendimento de companhias dentro do ecossistema empreendedor. # Windsor Plaza Brasília celebra seis anos, este mês, com novidades, incluindo piscina aquecida. # DFL doa três mil testes de Covid para combate à pandemia nas comunidades carentes.

Publicidade

Facebook

x