quinta-feira, 22 de outubro de 2020

Brasil tem 571 novas mortes por covid-19 em 24 h; total chega a 155.459

Brasil registrou 571 novas mortes causadas pela Covid-19 nas últimas 24 horas, em um total de 155.459 óbitos provocados pela doença desde o início da pandemia. As informações são do consórcio de veículos divulgadas ontem  (21).

Desde  terça, foram notificados 25.832 novos casos no Brasil, que chegou a um total de 5.300.649 diagnósticos da doença causada pelo novo coronavírus.

Caruaru contabiliza 9.443 confirmações para a Covid-19

A Secretaria de Saúde de Caruaru informa que até esta quarta (21) 94,33% dos pacientes já se recuperaram do novo coronavírus.

O número de testes realizados subiu para 27.325 dos quais 9.820 foram através do teste molecular e 17.505 do teste rápido, com 9.443 confirmações para a Covid-19, incluindo dois óbitos, no dia 31 de julho e 18 de outubro, sendo eles: Homem, 77 anos, com comorbidade e um homem, 64 anos, com comorbidade.

O número de casos descartados subiu para 17.497.

Também já foram registrados 36.722 casos de síndrome gripal, dos quais 1.405 foram orientados a ficar em isolamento domiciliar.

Novas restrições são anunciadas na Inglaterra para frear coronavírus

A região de Yorkshire do Sul passará a integrar a partir de sábado o grupo de áreas submetidas a restrições mais rígidas na Inglaterra para frear a propagação do novo coronavírus, em troca de apoio financeiro, anunciaram nesta quarta-feira as autoridades locais.

Esta área do norte da Inglaterra passará ao nível de alerta “muito elevado”, último de um sistema de três níveis estabelecido pelo governo britânico, que implicará o fechamento de bares e pubs que não servem comida e a proibição de reuniões nas casas.
“Os líderes locais e eu asseguramos um financiamento de 41 milhões de libras (53 milhões de dólares) do governo para apoiar os residentes e as empresas”, anunciou no Twitter Dan Jarvis, prefeito de Sheffield, a maior cidade da região afetada.
O Reino Unido é o país mais afetado de Europa pela pandemia, com quase 44 mil mortes, e está reagindo de forma localizada à segunda onda de infecções, o que provoca tensões entre Londres e as comunidades locais.
O acordo com Yorkshire do Sul, que tem 1,4 milhão de habitantes, acontece um dia depois do anúncio do primeiro-ministro, o conservador Boris Johnson, sobre restrições drásticas na cidade de Manchester (noroeste) e após vários dias de debates frustrados com as autoridades locais sobre os benefícios econômicos.
Andy Burnham, o representante trabalhista eleito da região, que tem uma grande população pobre, resistiu à implementação da medida sem apoio financeiro adicional para as empresas.
Mas as discussões não tiveram êxito até o meio-dia de terça-feira, prazo estabelecido por Londres para encontrar um compromisso com a cidade, que representa com sua periferia 2,8 milhões de habitantes.
Em toda Inglaterra, as reuniões com mais de seis pessoas estão proibidas e os pubs e restaurantes devem fechar às 22H00. Atualmente, 28 milhões de pessoas, aproximadamente metade da população, incluindo Londres, vivem sob restrições locais mais estritas.
Gales decidiu impor um confinamento geral de duas semanas a partir de sexta-feira, opção que o governo britânico rejeita no momento, pelas consequências econômicas.
AFP

Cinco passos para se tornar um gestor empreendedor

Neste momento de retomada da economia, diante da crise causada pela pandemia do coronavírus, o Sebrae reforça a importância de fortalecer a atividade empreendedora no país, em especial nos municípios brasileiros. Para isso, a instituição tem contribuído, para qualificar o debate eleitoral em torno da valorização dos pequenos negócios nos planos de governo dos futuros gestores municipais.

Para o presidente do Sebrae, Carlos Melles, é fundamental que os candidatos se juntem à força do empreendedorismo para fazer seu município crescerem. Dada a importância central que os pequenos negócios desempenham na economia brasileira, ao representarem 98% das empresas do país, sendo responsáveis por 54% dos empregos formais, as micro e pequenas empresas precisam ter uma atenção especial nas futuras gestões municipais.

“São os municípios que possuem a grande força para o desenvolvimento do nosso país. Nesse sentido, prevemos grandes responsabilidades para os gestores nos próximos anos. Caberá a cada candidato ou candidata se comprometer com o seu eleitor para colocar a economia nos eixos e trazer prosperidade para o seu município. Acreditamos que tudo o que for feito para apoiar os pequenos negócios trará benefícios para toda a sociedade”, destacou Melles.

Desde 2000 o Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor tem reconhecido os esforços dos gestores municipais que implantaram projetos com resultados comprovados, com foco no desenvolvimento dos pequenos negócios. A iniciativa já recebeu quase 10 mil projetos inscritos e teve 918 vencedores estaduais, com 94 vencedores em nível nacional. Sua 10ª edição foi realizada em meados do ano passado.

Além de valorizar o trabalho de prefeitos e prefeitas, a premiação contribui para identificar e divulgar as boas práticas e a capacidade administrativa desses gestores. Mas o que será que faz uma prefeita ou prefeito empreendedor?

Pensando em ajudar candidatos e candidatas das próximas eleições municipais a se tornarem gestores empreendedores, o Sebrae elaborou as cinco dicas a seguir, que fazem parte do Guia Candidato Empreendedor, disponível para download aqui.

1. Valorize o empreendedorismo e apoie o empreendedor local

O cargo de gestor público requer diversas habilidades, mas uma delas se destaca quando se trata de ter uma postura empreendedora: a habilidade de gerar conexões com os pequenos negócios. Reconhecer a força dos pequenos negócios é apoiar os empreendedores no âmbito local. Uma iniciativa nesse sentido pode ser a criação da Sala do Empreendedor na Prefeitura, local de referência para o atendimento qualificado para quem já tem ou quer ter seu próprio negócio. O Sebrae presta todo o suporte para a instalação das Salas do Empreendedor nos municípios, onde o empreendedor pode receber orientações e estímulo para se capacitar em cursos técnicos e gerenciais que farão a diferença no sucesso do negócio.

2. Crie um ambiente favorável aos donos de micro e pequenas empresas locais

A desburocratização é vista como um facilitar para o sucesso dos pequenos negócios, proporcionando aos municípios agilidade no processo de abertura das empresas, geração de empregos e oportunidades aos seus cidadãos. Ao melhorar e modernizar o ambiente público com foco na economia local, as micro e pequenas empresas se tornam mais competitivas, contribuindo para a retomada da recuperação da economia. Promova ações para que o seu município faça parte da RedeSim, sistema nacional que integra juntas comerciais, prefeituras, órgãos de inscrição tributária e licenciamento.

3. Amplie a participação dos pequenos negócios nas compras públicas

O aumento da participação dos pequenos negócios locais nas compras governamentais contribui para o aumento do emprego, garante maior economia aos cofres públicos e retém renda no próprio município. Ao adotar a Lei Geral da Micro e Pequena Empresa, que determina o tratamento diferenciado aos empreendimentos de menor porte, é possível adquirir produtos da agricultura familiar para a merenda escolar, por exemplo.

4. Fortaleça a identidade e as vocações do seu município

O gestor empreendedor sabe valorizar a identidade e vocação do seu município, potencializando suas riquezas. Com isso, ele cria uma vantagem competitiva e atrai oportunidades de negócios em áreas como turismo, agronegócio, indústria ou comércio, gerando emprego e renda. Além disso, outra forma de dar notoriedade e reputação aos produtos e atrativos locais é por meio da obtenção da Indicação Geográfica (IG), junto ao Instituto Nacional de Propriedade Intelectual (INPE). Ao ser reconhecido como uma IG, além de conquistar proteção, o território atrai oportunidades de negócios, com a agregação de valor aos produtos e serviços registrados do local, maior acesso a mercados dentro e fora do país, aumento do fluxo de turistas, dentre outros benefícios.

5. Inclua o ensino do empreendedorismo nas escolas

A difusão da cultura empreendedora nas escolas também faz parte das ações de um gestor empreendedor. Com o início da implementação da Base Nacional Curricular Comum (BNCC), temáticas do empreendedorismo tornaram-se parte dos currículos escolares. Com o apoio do Sebrae, que desde 2013, desenvolve o Plano Nacional de Educação Empreendedora que já alcançou 4,5 milhões de estudantes e 165 mil professores em todo o país, os gestores têm acesso a um conjunto de ferramentas pedagógicas não só para os estudantes, como também para os professores, considerados peças fundamentais neste processo.

Ferreira Costa ganha unidade em Caruaru que vai gerar 550 empregos, entre diretos e indiretos

Mais uma unidade do home center Ferreira Costa será construída em Caruaru, no Agreste pernambucano. A nova estrutura será inaugurada em 2021, com uma variedade de mais de 70 mil itens para casa, construção e decoração em um só lugar.

A construção da loja já foi iniciada, a previsão de inauguração é de junho de 2021, e o home center contará com 9.000 m² de área de vendas, além de espaço para cinco lojas de conveniência, 314 vagas de estacionamento, estoque para pronta entrega no local e trará os serviços do clube do profissional, lista de casamento, vendas corporativas e centro automotivo.

Toda a construção da nova estrutura, que estará localizada na BR-104, no final da av. Agamenon Magalhães, será realizada de maneira  sustentável. Será instalado no telhado geração de energia solar, onde em curto prazo, praticamente todo o seu consumo de energia será de geração própria, com coleta seletiva de resíduos, logística reversa de resíduos, coleta para descarte de pilhas e lâmpadas e etc.

Além disso, serão contratados 450 profissionais diretos e mais 100 indiretos quando estiver em pleno funcionamento. Os interessados em participar do processo de seleção da Ferreira Costa se cadastrar através do site: www.carreiras.ferreiracosta.com.

Um dos motivos para o investimento foi o título recebido por Caruaru em 2019 de “Capital do Agreste”,  aparecendo pela primeira vez entre as cidades brasileiras com melhor infraestrutura para negócios no Brasil, segundo estudo desenvolvido pela Urban Systems.

O ambiente de negócios da cidade e sua avançada estrutura viária, transporte e comunicações coloca Caruaru como uma das cidades com localização mais estratégicas do Agreste. Além dos negócios locais, a Ferreira Costa atenderá em torno de 60 cidades próximas.

Folhape

PF investiga esquema de corrupção em liberação de licenças ambientais

A Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (21) a Operação O Quinto Ato, que investiga esquema de corrupção na liberação de licença ambiental para a instalação do Porto Pontal Paraná, terminal portuário privado localizado no município Pontal do Paraná (PR). De acordo com a PF, o esquema ocorreu entre os anos de 2014 e 2015, com o “pagamento de vantagens indevidas para fins de intervenção junto ao Ibama [Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis]”.

Um dos alvos é o senador Fernando Collor (PROS-AL). A investigação é um desdobramento da Operação Politeia, deflagrada pela PF em 2015. Na ocasião, os policiais identificaram que bens de luxo pertencentes a Collor teriam sido pagos por empresários interessados em sua atuação política em órgãos federais. Também há indícios de pagamentos em espécie.

A operação foi autorizada pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Foram expedidos 12 mandados de busca e apreensão e determinado o bloqueio de valores financeiros. As ações acontecem nas cidades de Curitiba (PR), Pontal do Paraná (PR), Gaspar (SC) e São Paulo (SP).

O nome da operação, O Quinto Ato, é uma referência ao rastreamento financeiro feito pela PF a partir do pagamento da quinta parcela de um jato executivo adquirido pelo parlamentar. Collor ainda não se manifestou sobre a operação.

Agência Brasil

Bolsonaro diz que governo federal não comprará vacina CoronaVac

O presidente Jair Bolsonaro afirmou hoje (21) que o governo federal não comprará a vacina CoronaVac, que está sendo desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan. De acordo com ele, antes de ser disponibilizada para a população, a vacina deverá ser “comprovada cientificamente” pelo Ministério da Saúde e certificada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

“O povo brasileiro não será cobaia de ninguém. Não se justifica um bilionário aporte financeiro num medicamento que sequer ultrapassou sua fase de testagem”, escreveu Bolsonaro em publicação nas redes sociais.

Ontem (21), após reunião virtual com governadores, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, assinou um protocolo de intenções para adquirir 46 milhões de doses da CoronaVac, com o objetivo de ampliar a oferta de vacinação para os brasileiros. O ministério já tinha acordo com a AstraZeneca/Oxford, que previa 100 milhões de doses da vacina, e outro acordo com a iniciativa Covax, da Organização Mundial da Saúde, com mais 40 milhões de doses.

Segundo o ministério, o processo de aquisição ocorreria somente após o imunizante ser aprovado e obter o registro junto à Anvisa. Para auxiliar na produção da vacina, a pasta já havia anunciado o investimento de R$ 80 milhões para ampliação da estrutura do Butantan.

A CoronaVac já está na Fase 3 de testes em humanos e, segundo Instituto Butantan, ela é uma vacina segura, ou seja, não apresenta efeitos colaterais graves. Ao todo, os testes serão realizados em 13 mil voluntários e a expectativa é que sejam finalizados até dezembro.

Caso a última etapa de testes comprove a eficácia da vacina, ou seja, comprove que ela realmente protege contra o novo coronavírus, o acordo entre a Sinovac e o Butantan prevê a transferência de tecnologia para produção do imunizante no Brasil. A CoronaVac prevê a administração de duas doses por pessoa.

O Ministério da Saúde informou à Agência Brasil que ainda não tem um posicionamento sobre a decisão anunciada pelo presidente Bolsonaro.

Agência Brasil

A importância de um rio

Há muito já se sabe que o rio é uma fonte de um recurso natural de grande importância para a vida: a água é essencial para a manutenção dos seres vivos. Os corpos hídricos, além do valor biológico, estão intimamente ligados à cultura, à sociedade, à economia e à história de qualquer civilização. Não podemos, portanto, dissociar a origem e a evolução da humanidade dos rios. Os povoados surgem geralmente nas margens dos rios; e não foi diferente em nossa cidade: o rio Ipojuca contribuiu para a origem e o progresso de Caruaru, tanto na agricultura, na pecuária e no consumo humano.
Com o passar do tempo, no entanto, viramos as costas para o Ipojuca, poluímos suas águas, ocupamos suas margens e descartamos resíduos sólidos em todo seu percurso. Precisamos mudar as nossas posturas em relação ao meio ambiente, e, para isso, precisamos de ações efetivas do poder público em conjunto com a população. O grande filósofo e cientista inglês Francis Bacon, no século XVI, já dizia que para se dominar a natureza é preciso primeiramente obedecê-la.
O BRASIL E AS FLORESTAS
Em 2019, foram plantadas 10 milhões de hectares de florestas em nosso pais, dos quais, 7,6 milhões de eucaliptos, que representam 76,3%, e  2 milhões de hectares de pinus, equivalente a 19,8% e 387 mil hectares de outras árvores que equivalem a 3,9% do total. Esses dados foram retirados de uma pesquisa realizada pela Produção de Extração Vegetal e da Silvicultura (PEVS) e pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Foram investidos 15,5 bilhões de reais na silvicultura, 4,5 bilhões na extração vegetal em um total de 20 bilhões de reais. Se compararmos o plantio de 2019 com o de 2018, temos uma redução de 2,7%.
A silvicultura é o cultivo de florestas através do manejo agrícola afim de produzir madeiras e outros derivados para satisfazer as necessidades do mercado e, ao mesmo tempo, promover o uso racional das florestas. Todos esses números favorecem a economia e as espécies de árvores que foram plantadas são exóticas, como o eucalipto que é oriundo da Austrália, podendo chegar a 60m, é caracterizado por um crescimento rápido e por algumas espécies produzem substâncias no solo que não deixam outras espécies vegetais se desenvolverem e possui uma madeira dura, forte e durável. O pinus é originário dos Estados Unidos tem uma madeira pesada e forte e são bastantes utilizadas para o paisagismo.
Precisamos recuperar e conservar nossas florestas com o objetivo ambiental.

Coluna Esplanada

BRASÍLIA, QUARTA-FEIRA, 21 DE OUTUBRO DE 2020

Baby Chico

O senador Francisco Rodrigues (DEM-RR), o Chico Cueca (ganhou esse apelido entre portas na Casa após o flagrante da PF com dinheiro nas vestes íntimas) pediu afastamento por 121 dias. Horas antes, ele havia protocolado solicitação para se afastar por 90 dias. Mas foi alertado pelos assessores técnicos de que o filho suplente, Pedro Arthur, só assume mandato, por regra, com 120 dias de afastamento do titular. E, o melhor para o substituto provisório: com essa suplência, o herdeiro vai ganhar plano de saúde vitalício. Se a ausência de Chico Rodrigues for prorrogada para mais de 180 dias, acredite, o filho terá direito a aposentadoria como senador. Haja cueca.

É campanha!

O ex-ministro do Turismo, Marx Beltrão, subiu num palanque em Maceió e atacou o vereador João Sampaio, adversário de seu clã político, o chamando de “morde fronha”.

É campanha 2!

No contra-ataque, o vereador (que não disputa reeleição), respondeu em vídeo que circula por whatsapp com a sugestão de Beltrão emprestar sua esposa para ela conferir.

Cela do mistério

O DEPEN precisa explicar em que circunstâncias – ainda misteriosas – morreu numa cela de penitenciária federal o traficante Elias Maluco. Oficialmente, foi suicídio. Seu principal inimigo ‘mora’ a poucas celas de distância.

No plenário

São seis os senadores do movimento ‘Muda Senado’ contrários à indicação de Kassio Nunes para o STF: Alessandro Vieira (Cidadania-SE) – que apresentará hoje voto em separado contra, conforme antecipamos – Reguffe (PODE-DF), Styvenson Valentim (PODE-RN), Lasier Martins (PODE-RS), Jorge Kajuru (Cidadania-GO), Eduardo Girão (PODE-CE). Mas apenas eles, dos 81 senadores em plenário, são contra.

Bateu saudade

A relação do presidente Jair Bolsonaro com a imprensa é de tapas e beijos. Como os grandes veículos saíram do cercadinho do Palácio da Alvorada, ele não para mais para falar toda manhã. Chegou a perguntar pelos jornalistas dia desses a militantes.

Oh Linda esquecida

Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO, Olinda parece não ter a sua importância histórica reconhecida pelos gestores. Os acessos à cidade não fazem alusão ao seu passado e presente ilustres. Ex-capital de Pernambuco, sequer é mencionada em qualquer idioma. O turista se perde fácil no labirinto do casario secular.

Sem defesa

Uma das estratégias do chefe da Polícia Civil do Rio de Janeiro, Allan Turnowski, é limpar o caixa de traficantes e milicianos. “Com isso, eles não podem ter dinheiro sequer para pagar advogados. Lembre-se de Al Capone, que foi preso por sonegação de imposto de renda. Vamos sufocar eles de todas as formas possíveis”, diz à Coluna.

Acabou a pandemia?

Empresários, políticos e promotores culturais do Recife demonstram irresponsabilidade diante da pandemia que assola o mundo. Centenas de pessoas se acotovelaram numa festa com show de Xande dos Pilares no Boteco Parador, no Centro, sábado à noite.

Liberou geral

O evento começou às 15h e rolou até as 23h com a autorização da.. Prefeitura e do Estado – cujos fiscais até pouco tempo prendiam banhistas na Praia de Boa Viagem.

MERCADO

Haja carga

Estudo do Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação mostra que cada empresa brasileira deve seguir, acredite!, 4.377 normas tributárias. O gasto das companhias é de R$ 162 bilhões por ano para acompanhar mudanças na legislação. O estudo aponta que nos 32 anos da Constituição, foram editadas mais de 6,4 milhões de normas.

Olho vivo!

Veja a insegurança de contratos no Brasil: A operadora de telefonia VIVO cortou uma linha com contrato assinado no pós-pago de cliente em Brasília, para devolver o chip a um pré-pago que estava suspenso no sistema. O empresário que perdeu o número já o divulgava desde fim de setembro para uso comercial para milhares de clientes, e agora vai à Justiça com os dados comprobatórios, por danos morais e financeiros.

Vai voar

Lembra do cliente Smiles Diamante da GOL que perdeu cortesia de bilhete com remarcação de voo? O caso foi resolvido ontem após a companhia procurá-lo.

ESPLANADEIRA

# Portal Tribuna Hoje , de Maceió, parceiro da Coluna, vence prêmio Andifes de Jornalismo. # Indicações para o Prêmio Digitalks 2020 podem ser feitas até dia 28. # Fórum Internacional da Royal Canin começa nesta sexta, gratuito e online, com inscrições no https://bit.ly/2TdX1Gq . # TIM discute hoje a importância de se mesclar diferentes gerações em equipes de trabalho, no seu canal no YouTube, às 16h30.

 

Lessa quer criar Postos Avançados de Segurança (PAS)

O candidato a prefeito de Caruaru pelo Progressistas, Delegado Lessa, apresentou propostas para melhorar a Segurança Pública no município. As ideias foram apresentadas no programa de TV do candidato que foi ao ar ontem (20). Para combater os índices de violência em Caruaru, Lessa demonstra que o poder público deve investir em ações que tragam mais cidadania e reduzam a insegurança dos cidadãos.

Lessa propõe a instalação de Postos Avançados de Segurança (PAS) na área rural, que serão implementados nos quatro distritos, com a presença da Guarda Municipal armada e equipada, em parcerias com demais órgãos de segurança.

A criação do Centro de Inteligência e Monitoramento Municipal (CIMM) também é uma das propostas destacadas no programa. A ideia prevê a criação de um espaço para videomonitoramento, proporcionando mais segurança e condições de contribuir para que os órgãos de segurança ampliem a resolução de crimes.

O candidato assegura a eficiência da implementação das propostas, presentes em seu plano de governo. “Eu sei como fazer, e a gente vai trazer segurança para todos”, garante Lessa.

Publicidade

Facebook

x